Entrevista Exclusiva: Chico Bento por Mauricio de Sousa

O desenhista Mauricio de Sousa mostra nessa entrevista exclusiva que tem um pouco do Chico Bento

Mauricio de Sousa nasceu em Santa Isabel, interior de São Paulo, e passou sua infância numa cidade próxima: Mogi Das Cruzes.

Com certeza as recordações dessa época foram essenciais para a criação de paisagens cheias de árvores e animais silvestres nas historinhas de seu personagem Chico Bento; um personagem que se identifica com o sertanejo e com valores ecológicos.

Bem por isso é o embaixador da proteção das nascentes no Pantanal desde 2014.

Assim, o Portal FESTANEJO foi conversar com Mauricio de Sousa para saber mais. Vejam na entrevista a seguir.

1. Mauricio, você costuma criar personagens inspirados em pessoas que conheceu em sua infância e depois em seus filhos. Em quem é inspirado o Chico Bento?

Chico Bento tem muito de um tio-avô meu e de mim mesmo, que cresci no interior paulista.

Eu, criança, vi Mogi das Cruzes como uma pequena cidade cercada de campos e matas, banhada pelo rio Tietê ainda com águas limpas e onde todos se conheciam.

Logo, vi que poderia contar historinhas da roça com ele. E para me ajudar, eu tinha criado uma tirinha de quadrinhos para a revista CooperCotia, para a Cooperativa Cotia. Eram originalmente dois personagens chamados Hiroshi e Zézinho, que depois de algum tempo receberam um personagem caipira meio atrapalhado e bondoso.

Com o tempo, esse menino, cada vez mais parecido com o atual Chico, foi “engolindo” a presença dos dois titulares das historinhas até que tomou conta do pedaço. Fui criando o espaço em que ele vivia suas histórias e sua família de amigos.

Como a Turma da Mônica vivia no Bairro do Limoeiro, criei a Vila Abobrinha para a Turma do Chico Bento.

2. O que mais o Chico Bento gosta da vida do campo?

Com certeza essa proximidade com a natureza. Caminhar entre as árvores e campos, passarinhos e bichinhos sempre ao lado e um laguinho para o Chico pular num dia de calor.

Por isso ele vive andando descalço. Para nem precisar tirar o sapato pra tomar banho de lago.

3. Mauricio, você gosta de música caipira ou sertaneja? Quais?

Músicas sertanejas de raiz são minhas preferidas porque me acompanharam na infância.

Meu pai trabalhava em uma rádio onde eu presenciava músicas cantadas ao vivo. Me lembro de Alvarenga e Ranchinho, Tonico & Tinoco, Nhô Pai e Nhô Fio, entre outros.

4. E quais músicas acha que o Chico Bento, menino de 7 para 8 anos, gosta?

Ele também deve gostar dessas clássicas caipiras mas também deve gostar das atuais que falam da vida no campo como as de Almir Sater, Roberta Miranda e até algumas de Chitãozinho e Xororó.

5. E comida caipira, quais transformam você e o Chico Bento numa Magali ao sentir o cheirinho?

Eu gosto de arroz, feijão e um bom bife. Mas o Chico fica louco por um feijão tropeiro com mandioquinha frita e caldo de cana pra acompanhar.

De sobremesa acho que ele adora goiaba. Das que ele costuma pegar na árvore da casa do Nhô Lau, que são as melhores. (risos)

6. Já pensou que o Chico Bento é querido pelos leitores porque tem essa simplicidade que dá um gostinho de nostalgia dos tempos nem tanto atribulados como os de hoje nas grandes cidades?

Com certeza. O Chico tem essa coisa de viver a vida simples do menino do campo sem a correria da vida urbana.

O Zeca, que é o primo do Chico que mora na cidade, de vez quando o visita e aí podemos colocar as grandes diferenças do modo de viver dos dois.

Mas quando o Chico vai pra cidade, ficam mais evidentes essas diferenças. No fundo, todo mundo sabe que para viver bem nada melhor do que estar mais próximo da natureza.

7. E quando o Chico Bento vai casar com a Rosinha?

Bem, por enquanto eles são ainda crianças. Mas todo ano, nas festas juninas, eles se casam de mentirinha.

8. E qual foi a intenção em criar o Chico Bento Moço?

Como criamos a Turma da Mônica Jovem também criamos o Chico Bento moço. (Moço porque na roça é assim que chamam gente jovem). Ele faz 18 anos e entra em uma Faculdade de Agronomia para cuidar, com conhecimento de causa, das plantações nas terras do seu pai.

9. Você ainda se sente um Chico Bento?

Quando estou em meu sítio, no interior de São Paulo, tenho espaço para passear entre árvores, lagos e ainda relaxar deitado numa rede. É o lugar onde reúno a família para momentos tranquilos antes de voltar para a cidade grande. Depois disso, tudo fica mais fácil.

COMPARTILHE

Be the first to comment on "Entrevista Exclusiva: Chico Bento por Mauricio de Sousa"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*