Lançamentos

Fred & Fabrício lançam o EP “Ao Quadrado”

Primeiro trabalho após assinarem com a gravadora Som Livre chega ao público com quatro faixas e inaugura nova fase na carreira dos cantores

Que o sertanejo revela grandes talentos e figura entre os gêneros musicais mais influentes e ouvidos no Brasil, todos nós sabemos.

Em um mercado movimentado e aquecido como esse, a dupla Fred & Fabrício se destaca pelo talento e qualidade vocal, e estreia seu primeiro lançamento pela Som Livre com o EP “Ao Quadrado”.

O projeto conta com quatro faixas – sendo três autorais e um pot-pourri de regravações – e marca uma nova fase na carreira dos cantores.

O compilado, que faz parte do projeto audiovisual “Fred & Fabrício Ao Quadrado”, gravado ao vivo em Goiânia, conta com as canções “Surto de Raiva”, “Você É Muito Mais”, o pot-pourri “Se Ligue em Mim/Eu Não Contava Com Isso” e “Não Beba”, sendo esta última a faixa-foco do EP e que chega com um clipe no YouTube.

Recém-formada, a dupla Fred & Fabrício nasceu em 2021, em um momento em que os sertanejos vinham de estágios distintos na carreira.

Confira também: Fred & Fabrício assinam com a Som Livre e prometem lançamento em abril

Nós tínhamos nossas carreiras separadas e eu já tive outra dupla. Em um evento onde fomos cantar, o Fabrício foi convidado para abrir o meu show, e após as apresentações, nós ficamos no camarim bebendo e tocando Chitãozinho & Xororó a noite toda no teclado. Ai que eu falei ‘se a gente formasse uma dupla, seria uma das melhores’. Ele concordou, mas estávamos em outros projetos naquele momento. Depois desse dia, cada um seguiu seu caminho e anos depois acabamos nos reencontrando e a dupla aconteceu’’, conta o goiano Fred, que em tempos de carreira solo produziu e escreveu faixas para nomes como Jorge & Mateus, Luan Santana, Gusttavo Lima, Zezé Di Camargo & Luciano, João Bosco & Vinícius, Munhoz & Mariano e César Menotti & Fabiano.

O fato curioso é que a formação da dupla surgiu de forma inesperada, enquanto os cantores ainda trabalhavam em suas carreiras solo.

“Nós fomos cantar em uma festa infantil onde havia várias duplas, e uma delas faltou. Então perguntaram se não queríamos cantar juntos e topamos. A partir daí, foi sucesso absoluto. Todo mundo gostou muito, já que nossas vozes se encaixaram muito bem. A partir daí a dupla se formou e estamos aí (risos)”, explica Fabrício, que começou a cantar aos 11 anos nas festas da família, em São Sebastião do Paraíso/MG, até começar sua carreira profissional aos 15, quando formou a primeira dupla.

Novatos no cast de cantores sertanejos da Som Livre, os amigos se mostram muito empolgados com essa nova etapa da carreira e o que vem pela frente.

Esse momento representa muito pra gente. Nós alcançamos como dupla o dobro, o triplo de números que tínhamos em nossas carreiras solo. Queremos ir muito além, ser mesmo uma influência para novas gerações, para quem gosta de sertanejo e quem gosta de cantar, e a parceria com a Som Livre possibilita tudo isso”, concluem os artistas.

COMPARTILHE

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.